Pular para conteúdo

Sala de Notícias l Quilombos e Quilombolas

Há mais de 400 comunidades quilombolas no Estado do Pará. Por falta de uma educação particularizada que leve em conta as características etno-culturais, grande parte dessa população acaba ficando fora da escola pública tradicional e são pouquíssimas as comunidades que têm escola quilombola. E estas poucas, como funcionam? Como o Governo Estadual trata da questão? Quais as diferenças básicas da educação quilombola para a institucionalizada? Essas são algumas das questões apresentadas no programa "Quilombos e Quilombolas". A equipe esteve em comunidades quilombolas no Pará e registrou um pouco da vida escolar e das diversas dificuldades das crianças e professores da região, como a falta de material específico sobre a própria tradição. Em uma das poucas escolas quilombolas, no baixo Acará, próximo à capital do Estado, Belém, as professoras fazem de tudo para manter viva a cultura afrodescendente e estimulam os alunos através de uma educação particularizada e diferenciada.

Direção: Jorge Mansur


Outros vídeos